Notícias

Utopias Transformadoras

O PSOL deve lutar pelo direito democrático de existir sem renunciar a sua independência política

19 de fevereiro de 2022 // 1 comentário

Nota da APS sobre a Federação do PSOL com a Rede Nos últimos meses diversos partidos passaram a se movimentar para montar federações que permitam superar a cláusula de barreira, mais rigorosa agora do que sua primeira fase em 2018. No PSOL esse debate foi realizado colocando como possibilidade a federação com a Rede Sustentabilidade e o PCdoB. É certo que a legislação eleitoral brasileira privilegia os partidos de aluguel e os conglomerados políticos sustentados pelo grande capital. [Leia mais]

¿Adónde va Chile? Um olhar afetivo e político

21 de janeiro de 2022 // 1 comentário

As efervescências populares — de ontem e hoje –, vistas por um professor brasileiro que vivenciou o Chile pré-Allende. As promessas (ainda moderadas) de Boric. Como a nova esquerda pode evitar fracassos como os da Grécia e Espanha. Por Jorge Almeida*. O candidato da esquerda, Gabriel Boric, venceu a eleição para a Presidência da República do Chile, derrotando um candidato neofacista explicitamente defensor do regime ditatorial sanguinário do General Pinochet e de políticas [Leia mais]

1º de outubro: 72 anos da Revolução Chinesa!

1 de outubro de 2021 // 1 comentário

Por Renildo Souza e Jorge Almeida*. Neste 1º de Outubro, comemora-se os 72 anos da fundação da República Popular da China (RPC). Naquele dia de 1949 completou-se a conquista do poder político pelo exército revolucionário, mas a luta começou bem antes, com a fundação do Partido Comunista da China (PCCh) em 1921, que está comemorando seus 100 anos de vida. Mas, se formos acreditar na imagem amplamente preponderante hoje, parece que tudo na China começou a partir das reformas pró [Leia mais]

Mohamed Ali, Brecht e o impossível

8 de junho de 2016 // 1 comentário

Impossível não é um fato. É uma opinião. Impossível não é uma declaração. É um desafio. Impossível é hipotético. Impossível é temporário. O impossível é apenas uma grande palavra usada por gente fraca, que prefere viver no mundo como ele está, em vez de usar o poder que tem para mudá-lo, melhorá-lo. Mohamed Ali. Não aceite o que é de hábito como coisa natural, pois em tempo de desordem sangrenta, de confusão organizada, de arbitrariedade consciente, de humanidade [Leia mais]